MODELIZAÇÃO DO GÊNERO FOTONOVELA PARA AULAS DE LÍNGUAS NA PERSPECTIVA SOCIOINTERACIONISTA

Kathia Alexandra Lara Canizares, ROSA MARIA MANZONI

Resumo


Com o objetivo de modelizar o gênero textual fotonovela, por capacidade de linguagem, à luz de várias teorias (Enunciação, Gêneros do Discurso, Engenharia do Interacionismo Sociodiscursivo), esta pesquisa documental bibliográfica foi projetada e realizada durante as discussões nas aulas de Ensino/Aprendizagem de Língua Portuguesa, do Mestrado Profissional Docência para Educação Básica, UNESP/Bauru. A capacidade de ação do gênero fotonovela, com fins didáticos, paira sobre o aluno em situação escolar. O plano geral do texto (capacidade discursiva) corresponde a quadros separados pela calha, balão de fala dos personagens, legendas e fotografias. Sequência textual narrativa-dialogal, pois o tipo de discurso na voz do narrador é narração, da ordem do NARRAR, autônomo; mas na voz das personagens o tipo é o discurso interativo, da ordem do EXPOR, implicado. Nos mecanismos de enunciação o gerenciamento das vozes dá-se pelo narrador e pelas personagens. Os elementos metatextuais são importantes para a compreensão da intenção comunicativa.


Texto completo:

PDF

Referências


AFONSO, M.; TEIXEIRA, M.; SAITO, C.L. N. O Interacionismo sócio-discursivo – orientação para a teoria dos gêneros. 2005. Disponível em: . Acesso em: jul. 2017.

AUSUBEL David P. Aquisição e Retenção de Conhecimentos: Uma Perspectiva Cognitiva. Lisboa: Plátano. 2000. 1ª ed. Disponível em: . Acesso em: 14 abril 2017.

BAKHTIN, M. M. Os gêneros do discurso. In: ______ Estética da Criação Verbal. (Tradução M. E. Galvão). 2ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 1997. p. 277-326. Disponível em: Acesso em: abr. 2017.

BAKHTIN, M. M.; VOLOCHÍNOV, V. N. (1929) Marxismo e filosofia da linguagem. 12. ed. São Paulo: Hucitec, 2006. Disponível em: . Acesso em: abr. 2017.

BRASIL-MEC. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. (2000). Disponível em: . Acesso em jun. 2017.

BRONCKART, J. P. Atividade de linguagem, textos e discursos: por um interacionismo sociodiscursivo. (Tradução Ana Raquel Machado e Péricles Cunha). São Paulo: Educ, 2003.

DOLTZ, J.; SCHNEUWLY, B. Os gêneros escolares – das práticas de linguagem aos objetos de ensino. In: ROJO, R. H. R. e CORDEIRO, G. S. (org., trad.) Gêneros Orais e Escritos na Escola. (Capítulo 3) Campinas: Mercado de Letras, 2004.

DOLTZ, J.; GAGNON, R.; DECÂNDIO, F. Produção escrita e dificuldade de aprendizagem. (Tradução Decândio e Machado). Campinas: Mercado das Letras, 2010.

DOLTZ, J.; NOVERRAZ, M. e SHNEUWLY, B. Sequências didáticas para o ensino oral e a escrita; apresentação de um procedimento. In: ROJO, R. H. R. e CORDEIRO, G. S. (org., trad.) Gêneros Orais e Escritos na Escola. (Capítulo 4) Campinas: Mercado de Letras, 2004.

JOANILHO, A. L.; JOANILHO, M. P. G. Sombras literárias: a fotonovela e a produção cultural. Revista Brasileira de História, vol. 28, nº 56. 2008. Disponível em: . Acesso em: jun. 2017.

MACHADO, A. R.; CRISTOVÃO V. L. L. A construção de modelos didáticos de gêneros: aportes e questionamentos para o ensino de gêneros. Linguagem em (Dis)curso – LemD, Tubarão, v.6, n.3, p. 547-573., set/dez, 2006. Disponível em: . Acesso em: abr. 2017.

MANZONI, R. M. Dissertação escolar: um gênero em discussão. 2007. 237p. Tese (doutorado). Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Letras de Assis. Disponível em < http://livros01.livrosgratis.com.br/cp034066.pdf>. Acesso em: jul. 2017.

RAMOS, A. C. P. A sequência didática no ensino da Língua Portuguesa por meio da fotonovela: Um estudo do gênero narrativo que emprega as novas tecnologias digitais. TCC (Especialização), Unicamp, 2011. Disponível: . Acesso em: jul. 2017

REZENDE JUNIOR, J. V.; SILVA, L. A. Super Noctívago: Uma fotonovela em quadrinho. 2012. Disponível em: . Acesso em: jul. 2017.

SAMPAIO, I. S. Para uma memória da leitura: a fotonovela e seus leitores. 2008. Tese doutorado. Unicamp. 143p. Disponível em: . Acesso em: jun. 2017.

SILVA NETTO, A. P.; ROCHA FILHO, J. S. Fotonovela: Representação e influência da realidade. (2012). Disponível em: . Acesso em jul. 2017.

SILVEIRA, D. F. S. A Fotonovela como meio de produção textual no contexto escolar. 2014. Disponível em: . Acesso em: jul. 2017.

SOUZA, 2015. Imagem e representação: conteúdo informativo nas fotonovelas das décadas de 1960-1980 pela perspectiva de Barthes. Dissertação. UFBA. 2015. Disponível em: . Acesso em jun. 2017.

WITTKE, C. I. Resenha BORTONI-RICARDO, Stella Maris. O professor pesquisador: introdução à pesquisa qualitativa. São Paulo: Parábola Editorial, 2008. (Estratégias de Ensino, 8), 136 p. Rev. bras. linguist. apl. vol.10, n. 3. Belo Horizonte, 2010. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.1590/S1984-63982010000300016>. Acesso: em jul. 2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2526-4478

______________________________________________________________________________