Uma experiência de educação: surdos do mercado de trabalho revisitando a Língua Portuguesa na presença da Libras

Juliana Pellegrinelli Barbosa Costa

Resumo


O projeto ‘Uso da Tecnologia entre Surdos e Ouvintes: resposta ao aprendizado de Libras a partir dos desafios das Faculdades de Tecnologia do Centro Paula Souza’ propôs, de 2013 a 2015, auxiliar a inclusão profissional e educacional do surdo pesquisando Tecnologias Assistivas apoiadas na Libras. O objetivo da oficina de Língua Portuguesa para surdos foi uma tentativa de dialogar com o mercado de trabalho e de aproximar surdos do ambiente universitário. Foi desenvolvida parceria com a prefeitura de Barueri, através da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, que auxiliou concedendo a intérprete de Libras. Houve 6 alunos, duas aulas semanais, durante 4 meses. A metodologia teve três eixos como fundamento; uso da narrativa como instrumento didático para ensino do português;  leitura/interpretação; uso de imagens, como meios de abordar aspectos linguísticos pertinentes ao desenvolvimento da escrita. Foram usadas as redes sociais, Facebook e Whatsapp, para partilha de materiais e interação. Como resultado, a experiência ofereceu aos alunos maior letramento digital. Houve explicação do tipo de linguagem usada nessas tecnologias, foi abordada a questão da linguagem formal, não formal e norma culta. Foi usada linguagem formal, como meio de ensino através da oferta de diálogos reais e significativos.

Texto completo:

PDF

Referências


COSTA, JULIANA PELLEGRINELLI BARBOSA. A educação do surdo ontem e hoje, posição sujeito e identidade. Campinas, SP. Editora Mercado de Letras. 2010.

COSTA-RENDERS, E. C. Educação e espiritualidade: pessoas com deficiência, sua invisibilidade e emergência. São Paulo: Paulus, 2009.

GUGEL, MARIA APARECIDA. A pessoa com deficiência e sua relação com a história mundial. In: Associação Nacional dos Membros do Ministério Público de Defesa dos Direitos dos Idosos e Pessoas com Deficiência (AMPID) – Artigos referentes às pessoas com deficiência. http://www.ampid.org.br/v1/?p=357 acesso: outubro 2016

PEREIRA, MARIA CRISTINA DA CUNHA. Leitura, escrita e surdez / Secretaria da Educação, CENP/CAPE; organização, Maria. – 2. ed. - São Paulo : FDE, 2009.

REILY, LUCIA HELENA. Escola Inclusiva: linguagem e mediação. 4ª Ed. – Campinas, SP: Papirus Editora, 2012

ROCHA, SOLANGE. INES Instituto Nacional de Educação de Surdos – Revista Espaço: Edição Comemorativa 140 anos. Belo Horizonte. Editora Líttera. 1997.

SILVA, IVANI RODRIGUES; KUMADA, KATE MAMHY OLIVEIRA; NOGUEIRA, ARYANE. O uso da narrativa como instrumento didático para o ensino de português para surdos. In.: SCHEYERL, DENISE; SIQUEIRA, SÁVIO (Orgs.). Materiais didáticos para o ensino de línguas na contemporaneidade: contestações e proposições. Salvador: EDUFBA, 2012. P. 253-284.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2526-4478

____________________________________________________________________________________________________________________