INTERDISCIPLINARIDADE E O ENSINO DA LÍNGUA INGLESA PARA FINS ESPECÍFICOS: RELATO SOBRE UM GRUPO DE ALUNOS DO CURSO DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE DE SISTEMAS.

Rosana Aparecida Bueno de NOVAIS, Mônica Éboli De NIGRIS

Resumo


A interdisciplinaridade permite aos docentes do ensino superior mediar o saber, o que possibilita ao estudante seu desenvolvimento global. Este trabalho tem por objetivo observar a sua presença a partir de duas experiências de ensino de Língua Inglesa para fins específicos no curso de Tecnologia em Análise de Sistemas da Fatec Zona Leste. Este estudo justifica-se não só pela importância dessa ação educacional, mas também como uma observação do fazer tecnológico e de suas práticas sociais específicas. As disciplinas dialogam e interagem, levando o estudante a pensar e relacionar os conteúdos. Baseado nessa discussão de Severino (2008, p. 39) sobre a prática interdisciplinar, a intencionalidade e as ações sociais, este relato apresenta os procedimentos usados com dois grupos. As disciplinas foram Inglês III e VI, Sistemas Operacionais I e II e Engenharia de Software I e II, envolvendo docentes da área técnica e do Inglês.  Percebe-se que os professores procuraram mediar o saber dos alunos para que estes pudessem construir seu repertório, que atende a um propósito. Os resultados podem ser sentidos no aspecto afetivo, promovendo maior segurança aos alunos que se candidatam a uma vaga de emprego, bem como na compreensão de possíveis enunciados de provas seletivas.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL.Parâmentros Curriculares Nacionais: terceiro e quarto ciclos do ensino fundamental: Língua Estrangeira/ Secretaria de Educação Fundamental. Brasilia: MEC/SEF,1988.Disponível em : http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/pcn¬_estran. Acesso em set. 2016.

[

DUDLEY-EVANS, T. (1997/8). Developments in English for Specific Purposes: A multi-disciplinary approach. Cambridge University Press.

Global English. Global English – Measuring the Continuing Impact: Business English as a Prerequisite for Global Business. Pearson English, 2015. [Online]. Available: http://www.globalenglish.com/. [Acesso em set.19 2016].

IBGE. Pesquisa Mensal de Emprego. http:// www.ibge.gov.br/ statística/indicadores/trabalhoerendimento/pm e _nova/pmecr_201409.shtm, 2014.

IBGE. A Economia Brasileira no 2º trimestre de 2014: Visão Geral. http:// www.ibge.gov.br/ estatística/indicadores/, 2014.

LEFFINGWELL Dean.; WIDRIG, Don.. Managing Software Requirements: A Use Case Approach, 2 ed., Addison-Wesley Professional, 2003.

MANPOWERGROUP. Pesquisa: Escassez de Talentos. 2015. In: www.manpowergroup.com.br. Acesso set.2016.

MANPOWERGROUP. Pesquisa de Expectativa de Emprego Manpower Brasil. 2016. www.manpowergroup.com.br. Acesso set.2016.

MELO, Keicyane Karla Pereira. Desafios para o ensino da língua inglesa nos cursos técnicos do SENAI-JP: um estudo de caso / Keicyane Karla Pereira Melo.-- João Pessoa, 2014.

Missão (Centro Paula Souza). In: www. cps.gov.br/quem-somos/missão-visão-objetivos-e-diretrizes/. Acesso em: 1 de set. 2016.

OLIVEIRA, Cristina Corrêa de; REIS, Nelio Fernando dos; ABE, Jair Minoru..The Students’ Evasion and Perception as Impact Factors of the São Paulo’s State Economy. Business and Management Review Special Issue V.4.N.5, January 2015.In:http://www.businessjournalz.org/bmr.Acesso em Set.2016.

PERRENEOUD, Philippe. Construir as competências desde a escola. (trad. Bruno Charles Magne). Porto Alegre: Artmed, 1999.

POMBO, O.; LEVY, T.; GUIMARÃES, H. A interdisciplinaridade: Reflexão e experiência. Lisboa: Editora Texto. 2.ed. 1994, p.13.

SEVERINO, Antonio Joaquim. O conhecimento pedagógico e a interdisciplinaridade: o saber como intencionalização da prática. In: FAZENDA, Ivani (org.). Didática e interdisciplinaridade. Campinas/S.P. : Papirus, 1998, p. 31-44.

SOMMERVILLE, Ian. Engenharia de Software. 8a. ed., Addison Wesley, 2007


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2526-4478

____________________________________________________________________________________________________________________