Revista CBTecLE

ISSN 2526-4478

A Revista CBTecLE é uma publicação semestral da Coordenação de Línguas das Fatecs do Centro Paula Souza, lançada pela primeira vez em 2017. Seu objetivo é incentivar professores, pesquisadores e acadêmicos de diferentes instituições brasileiras e internacionais a divulgar suas produções no ensino de línguas, em áreas como:

  • línguas para fins específicos;
  • análise do discurso;
  • tecnologias digitais e ensino-aprendizagem de línguas;
  • metodologias ativas;
  • currículo;
  • letramento crítico, multiculturalismo, translíngua e repertórios;
  • letramento e fluência digital, games e criação de aplicativos;
  • educação bilíngue; políticas públicas (para o ensino de línguas materna e estrangeira);
  • abordagens teóricas e aplicadas ao ensino e à aprendizagem, formação de professores e coordenadores de programas de ensino de línguas, interação, avaliação e gestão educacional nos contextos presencial e digital.
 
As submissões de artigos científicos são semestrais, para submeter clique na imagem link abaixo:
 
 
obs: na página do cadastro para submeter artigos, não esquecer de ticar em autor para enviar o artigo, no final do cadastro.


 

v. 1, n. 2 (2018): Revista CBTecLE nº 2 - 2018

 Editorial

A quarta edição da Revista CBTecLE apresenta para toda comunidade científica uma coletânea de artigos que aborda o ensino-aprendizagem  de línguas estrangeiras no ensino técnico e tecnológico por meio de pesquisas e práticas de ensino realizadas à luz de diferentes perspectivas teóricas e que foram apresentadas aos participantes do IV CBTecLE – Congresso Brasileiro de Línguas Estrangeiras no Ensino Técnico e Tecnológico, realizado em 27 e 28 de setembro de 2018, na Fatec Campinas, São Paulo.

Alinhados com a temática principal do congresso - Ensino de línguas em tempos de mobilidade global: tecnologia, metodologia e trabalho -  esses artigos focam na interdisciplinaridade, no trabalho cada vez mais específico para a formação profissional e no uso da tecnologia para auxiliar o aprendizado dentro e fora da sala de aula. As metodologias ativas também aparecem em destaque, ressaltando a necessidade de pensarmos a Educação Profissional cada vez mais focada no desenvolvimento da autonomia do aluno.

Desejamos a todos uma ótima leitura!

 

Profª Drª Simone Telles Martins Ramos

Sumário

Ingrid Trioni Nunes Machado
PDF
2 - 13
Pedro Paulo Nunes da Silva
PDF
14 - 32
Cristiane Oliveira Campos Gonella, Rubens Fernando de Souza Lopes
PDF
33 - 45
Valquiria Pereira Alcantara, Lígia Razera Gallo, Inês Teixeira Barrancos
PDF
46 - 61
Victor Carreao
PDF
62 - 74
Ana Carla Lanzi Ciola, Camila Maria da Costa KAMI, Nancy Aparecida Guanaes Bonini
PDF
75 - 89
Maria Glalcy Fequetia Dalcim
PDF
90 - 109
Maressa De Freitas Vieira, Elaine Aparecida Campideli Hoyos
PDF
110 - 123
Bárbara Alves da Rocha Franco
PDF
124 - 142
Jefferson Biajone, Francine Baltazar
PDF
143 - 162
Lise Virgínia Vieira de Azevedo, Teresinha de Fátima Nogueira
PDF
163 - 175
Bárbara Alves da Rocha Franco
PDF
176 - 191
Luciana Moraes Silva Octaviano
PDF
192 - 204
Talita Annunciato Rodrigues
PDF
205 - 217